Alface: propriedades, benefícios e valor nutricional

, , , ,
alface

A alface é a rainha das saladas. É um alimento que se deve comer praticamente todos os dias porque quase não fornece calorias, mas traz muitos minerais e vitaminas. Mas o que pode fazer pela sua beleza? Preste atenção!

A alface é um dos legumes mais conhecidos e mais consumidos em muitas casas. Mas o que é quase desconhecido são as suas propriedades e benefícios.

Este legume tem sido cultivado há mais de 2000 anos. De facto, os romanos e os gregos já a apreciavam pelo seu sabor e virtudes. É agora cultivada na maioria dos países de clima temperado, uma vez que resiste bem a temperaturas elevadas, mas não tão bem a temperaturas baixas.

O seu elevado teor de fibras promove um bom funcionamento intestinal, melhora a digestão e reduz as dores menstruais. É um alimento que possui muitas variedades e proporciona inúmeros benefícios para o seu corpo. Descubra-os!

Benefícios da alface para o seu corpo

O grande Leonardo Da Vinci já falava sobre este alimento e a sua importância para a saúde. Diz-se que a alface é boa para os olhos, é calmante e que influencia a libido. Embora nem todos os efeitos a ela atribuídos tenham sido provados, o seu valor nutricional é notável.

Os principais benefícios da alface são:

  • É um alimento que fornece minerais, alcalino e é refrescante. Além disso, o seu elevado teor de água torna-o um alimento muito hidratante.
  • Estimula o bom funcionamento da função renal e previne infeções do trato urinário.
  • Tem uma ação aperitiva. Estimula as glândulas digestivas e tem uma ligeira atividade laxante devido à fibra que contém. 
  • É depurativa. A sua ação drenante do fígado confere-lhe um efeito purificador geral no corpo.
  • É hipoglicémica. Diminui os níveis de açúcar no sangue, o que o torna adequado para diabéticos.
  • Tem propriedades que promovem o sono e tem uma ação analgésica. Por esta razão, diz-se que tem qualidades hipnóticas. Tem propriedades calmantes durante um período de excitação nervosa ou exaltação (contém lactucarium, que acalma o sistema nervoso).
  • Previne alguns tipos de cancro. Rico em beta-caroteno, previne o cancro do cólon e do pulmão.
  • Tem propriedades diuréticas. Combate a retenção de líquidos.
  • É protetora do coração. O seu conteúdo de flavonóides, como a quercetina, reduz o risco de doenças cardíacas.
  • Protege a mucosa gástrica.
  • É saciante, o que é de grande ajuda para quem deseja controlar o seu peso ou seguir uma dieta de emagrecimento.

A importância da alface nos cuidados com a pele

Este ingrediente é cada vez mais utilizado como um ingrediente ativo cosmético porque contém água, minerais e vitaminas. Os benefícios do seu extrato no cuidado da pele são devidos às suas propriedades antioxidantes, revitalizantes e hidratantes. 

Além disso, a alface é considerada uma grande aliada no combate aos efeitos do envelhecimento, uma vez que restaura a tenacidade e suavidade natural da pele.

Para além de todos estes benefícios, quando se trata de beleza e cuidados de pele, é também excelente para tratar outros problemas:

  • Limpa, tonifica, revitaliza e protege a pele.
  • Elimina as toxinas.
  • Acalma as queimaduras cutâneas.
  • Estimula o crescimento do cabelo.
  • Melhora o odor dos pés e das axilas.

Para a pele muito sensível ou seca pode fazer uma máscara de alface em casa. Os ingredientes ativos são encontrados na polpa das folhas. Num rosto limpo e seco, aplicar a polpa como uma máscara. Se preferir, pode esmagar uma folha de alface num almofariz e pilão, adicionar uma pequena colher de mel e limão e depois aplicar. Deixar repousar durante 15 a 20 minutos e enxaguar.

Faça-o duas vezes por semana e verá a sua pele recuperar o brilho.

Qual é o valor nutricional das alfaces?

Graças às estufas, a alface é um alimento que pode ser consumido durante todo o ano. Tem uma grande variedade de qualidades: tem um baixo teor de calorias, é rica em água, antioxidantes, fibras, vitaminas, sais minerais… É também diurética e depurativa, ajuda à digestão e é considerada um relaxante natural, pelo que pode ajudá-la a adormecer e aliviar o stress.

Mas qual é o valor nutricional por 100 gramas de alface?

  • 19 quilocalorias.
  • 1,37 gramas de proteína.
  • 0,2 gramas de gordura.
  • 1,4 gramas de hidratos de carbono.
  • 1,5 gramas de fibra.
  • 3 miligramas de sódio.
  • 1 miligrama de ferro.
  • 34,7 miligramas de cálcio
  • 220 miligramas de potássio.
  • 28 miligramas de fósforo.
  • 16 miligramas de magnésio.
  • É rica em vitaminas A, B, C e E.
  • Teor de água: 94 %

Devido ao seu importante valor nutricional, é importante saber como aproveitá-la bem. Infelizmente, isto não acontece com frequência e chega à mesa sem 100% das suas qualidades. Como aproveitar ao máximo?

  • Comprar sempre peças que estejam em bom estado de conservação para garantir que são da qualidade certa.
  • Escolher sempre as alfaces na estação, que começa na Primavera.
  • Conserve-as de forma correta. Para o fazer, é necessário um local húmido e fresco onde não esteja exposta ao ar ou à luz. Não a guarde juntamente com pêras ou maçãs, pois isso altera a sua composição. Não as congele.
  • Lembre-se que normalmente não se mantém bem no frigorífico durante mais de uma semana.
  • Evite molhá-la em demasia. Desta forma, perde algumas das suas vitaminas e minerais.
  • Use as folhas mais verdes.
  • Prepare-a imediatamente antes de comer e não a corte demasiado.
  • Cubra-a com vinagre ou sumo de limão para preservar as suas vitaminas.

Finalmente, as alfaces do Verão e da Primavera são mais ricas em nutrientes do que as das outras duas estações. Isto é devido ao impacto da luz solar. Como recomendação, compre as que apresentam tonalidades mais escuras, pois são mais nutritivas. 

Para mais dicas de saúde e beleza, mantenha-se atenta às nossas redes sociais e às entradas do blog.

Reme Navarro Escrivá

Farmacêutica e Nutricionista. Licenciada em Farmácia na Universidade de Valencia no ano 2007, Licenciada em Nutrição na mesma universidade em 2009. Dedicada ao mundo da saúde e da farmácia há mais de 15 anos. De reunião em reunião, na Atida eu escrevo este blog sobre temas que considero interessantes para a saúde e cuidado pessoal.

0 comentários

Deixa o teu comentário

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *