Quais são os benefícios em trocar o café pelo chá?

,

Prefere o chá ou o café? Algumas pessoas acham que o chá é mais saudável e outras que é o café. Hoje vamos falar-lhe dos benefícios das duas infusões para que possa escolher a que é melhor para si.

Qual é a sua bebida preferida: chá ou café? Escolher entre uma e outra tem normalmente mais a ver com os gostos de cada um do que com as suas propriedades ou efeitos. Apesar disso, ambas demonstraram oferecer múltiplos benefícios aos seus consumidores habituais.

Um consumo excessivo de qualquer uma destas bebidas pode causar distúrbios do sono. No entanto, na medida justa podem prevenir doenças e, aliadas a hábitos de vida saudáveis e uma dieta equilibrada, podem aumentar os seus benefícios.

Diferenças entre o chá e o café

Antes de nos lançarmos em plena batalha se deve ser chá ou café, queremos contar-lhe algumas propriedades e dados curiosos deveras interessantes.

  • Em primeiro lugar, a principal diferença entre o café e o chá é que um contém cafeína e o outro teína. Esta última é absorvida de maneira mais lenta e sustentada do que a cafeína.
    Devemos ter em conta que uma chávena de café de 150 mililitros fornece cerca de 100 gramas de cafeína. Por outro lado, o chá contém entre 15 e 70 miligramas de teína. Dito isto, poderá compreender melhor quando lhe dizemos que não se devem consumir mais do que 400 miligramas de cafeína por dia. Em caso de exceder, pode ser prejudicial para a sua saúde.
  • Outra diferença assenta na quantidade de energia que um ou o outro lhe podem fornecer. O café, regra geral, fá-lo com muito maior rapidez, embora o seu efeito dure menos. O café, porém, proporciona essa energia de forma mais progressiva e duradoura.
  • Os seus aromas e sabores também são diferentes. Por exemplo, é possível distinguir até 600 variedades no café, mas o chá não se fica atrás, com cerca de 3.000.
  • Ambos têm propriedades antioxidantes e protegem-no dos radicais livres. No entanto, no caso do chá esta ação reduz os níveis de colesterol e no do café regula os níveis de açúcar no sangue.
  • Enquanto que o café não favorece a hidratação, o chá é uma bebida hidratante e muito recomendada em pessoas que praticam exercício regularmente.
  • Por último, ambos reduzem o risco de sofrer doenças cardiovasculares, embora numa ingestão moderada a influência do café sobre o ritmo cardíaco é maior. O café também está envolvido na prevenção do Alzheimer e da Parkinson. O chá, por seu lado, melhora os processos inflamatórios e previne alguns tipos de cancro (ovários, intestino, próstata, cólon, mama, etc.).

Benefícios do chá e da teína para a saúde

Cada vez mais pessoas preferem beber chá em vez de café. Alguns dos motivos são os seus benefícios. Quais são os mais importantes?

1. Colabora na perda de peso 

O chá, especialmente o verde, acelera o metabolismo e é por isso que quem quer queimar gorduras e perder peso lhe dá a preferência. Se tomar umas 4 chávenas de chá todos os dias, admirar-se-á com uma redução significativa do seu peso e do volume corporal.

2. Prevenir o cancro 

A passagem do tempo demonstrou que o chá tem a capacidade de prevenir e acabar com algumas células cancerosas. A razão é que evita os danos oxidativos provocados pelo cancro. Os seus antioxidantes ajudam-no a eliminar os radicais livres e previnem o stress oxidativo que o cancro da mama ou do fígado pode desencadear.

3. Previne doenças do coração

O consumo de chá ajuda a reduzir o colesterol mau ou LDL, que é o responsável por originar doenças cardiovasculares graves. Além disso, alguns deles podem reduzir a pressão arterial alta e melhorar a circulação do sangue. Consequentemente, diminui a possibilidade de se produzirem coágulos e ataques cardíacos.

 

Os especialistas na matéria indicam que beber entre 3 e 6 chávenas de chá todos os dias é benéfico. Ajuda-o a controlar a pressão arterial e a prevenir problemas do coração.

Benefícios do café e a cafeína na saúde

O café é uma das bebidas mais consumidas. De manhã ajuda-o a acordar, mas também lhe oferece uma grande quantidade de vantagens que por vezes passam despercebidas.

1. Aumenta o rendimento físico

A cafeína é responsável por elevar os níveis de adrenalina e epinefrina no sangue. Isso quer dizer que o seu nível energético será maior e os seus tempos de resposta serão menores. Portanto, será mais rápida quando praticar atividades físicas.

estudos que indicam que a cafeína pode aumentar o seu rendimento física cerca de 12% em média. O que é útil em exercícios de resistência, porque com mais adrenalina os períodos de uma atividade sustentadas podem ser mais longos.

2. Contém nutrientes essenciais

No café encontram-se compostos como o potássio, o manganês e vitaminas, como a B, de origem natural. A sua composição favorece as funções de certos órgãos para combater os vírus e as constipações. Por outro lado, ao ingerir algumas chávenas de café está a incorporar no seu organismo cerca de 11% da quantidade diária recomendada de vitamina B.

3. Previne as diabetes tipo II

O consumo diário de café pode ajudá-lo a prevenir doenças de uma certa gravidade, como é a diabetes tipo II. Os investigadores creem que o café inibe, até certo ponto. a resistência à insulina. Além de que se demonstrou em vários estudos que por cada chávena de café que se consume reduzem-se 7% das possibilidades de contrair esta doença.

Então, o que é melhor: o café ou o chá?

A priori e segundo o que já leram, talvez não consigam distinguir o que é melhor: beber chá ou café. Ambos lhe oferecem uma grande quantidade de benefícios que ter em consideração. Precisamente por isso, se quiser seguir a meta a que se propôs, converter-se-á numa escolha muito simples. 

Quer perder peso ou tem antecedentes cardíacos? Então, vá pela opção do chá. 

Quer aumentar o rendimento físico ou tem antecedentes de diabetes tipo II? Nestes casos, talvez seja melhor optar pelo café.

Aproveite todo o seu potencial. Seja o que for que prefira, na MiFarma by Atilda Plus recomendamos-lhe um consumo moderado e responsável tanto de café, como de chá.

Reme Navarro Escrivá

Farmacêutica e Nutricionista. Licenciada em Farmácia na Universidade de Valencia no ano 2007, Licenciada em Nutrição na mesma universidade em 2009. Dedicada ao mundo da saúde e da farmácia há mais de 15 anos. De reunião em reunião, na Atida eu escrevo este blog sobre temas que considero interessantes para a saúde e cuidado pessoal.

0 comentários

Deixa o teu comentário

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *